Português
  • Natal na Alameda
  • 8 de dezembro a 6 de janeiro
    Pardelhas - Murtosa
    Entrada livre
  • COMUR MUSEU MUNICIPAL
  • ServicosOnline
  • Estação Náutica da Murtosa
  • mobilidade1
  • NaturRia
  • SIG-Murtosa
  • Planos
Geminação Murtosa-Newark

 

GEMINAÇÃO ...

     “A ideia de geminação nasceu na Europa.

     A geminação proporciona um enquadramento privilegiado para a manutenção de relações com uma ou várias cidades interlocutoras em diferentes países, apresenta a vantagem de combinar os laços de amizade com as mais variadas categorias de intercâmbios, reunir pessoas de horizontes muitas vezes diferentes, para que possam gerir, em comum, interesses comuns.

     Desta experiência, decorre um melhor conhecimento mútuo e uma maior tolerância face aos outros, a que se segue um sentimento de pertencer a uma mesma «comunidade» o qual se traduz por uma solidariedade reforçada.”

MURTOSA - NEWARK

     Na procura de melhores condições de trabalho e de vida muitos Murtoseiros emigraram para várias Terras e Países, entre os quais os Estados Unidos da América, a Murtosa de lá.

     Destaca-se a Cidade de Newark – USA – onde residem muitos Murtoseiros, pelo que, carinhosamente, chama-se a Newark, a Murtosa americana, a Murtosa de lá.

     Os Emigrantes Murtoseiros, apesar da distância que os separa da Terra-Mãe, continuam ligados a ela afectivamente e através dos núcleos Murtoseiros que criaram, como, por exemplo na Cidade de Newark: o Sport Marítimo Murtoense, a União Beneficente Murtoense, o Clube de Caça e Pesca, o Sport Newark Beira-Mar; e na Alemanha, o Clube de Trabalhadores Portugueses em Bremerhaven, e o Centro Cultural Português de Cuxhaven, em Cuxhaven, onde se continua a falar a língua materna e onde persistem algumas tradições e hábitos culturais e alimentares, sobretudo em datas festivas, em que se recorda a Terra-Mãe e se faz uso de certos pratos regionais (na América, as enguias).

     Esta forte ligação, que existe entre a Comunidade de Newark e a Murtosa, as viagens periódicas, os laços culturais e familiares, que se estabeleceram entre ambas; o interesse que os aí residentes mantêm pela sua terra de origem, a Murtosa, não apenas porque deixaram aí os familiares e haveres, mas porque a própria vivência social, junto de outros Murtoseiros os estimulam; a sua integração na política local e o exercício de outros cargos importantes na sociedade e a importância e prestígio da Comunidade Murtoseira, levou a Câmara Municipal da Murtosa, na sua reunião de Câmara de 9 de Julho de 1998, a pensar no estreitamento das relações de amizade dos Murtoseiros residentes e em diáspora nas Terras do Tio Sam .

     Assim, no ano em que o Concelho da Murtosa celebrou o seu 75º Aniversário da sua criação, o Executivo da Câmara Municipal, na sua reunião ordinária, de 3 de Abril de 2001, apresentou uma proposta de Geminação com a Cidade de Newark, nos EUA.

 

GEMINAÇÃO DA VILA DA MURTOSA COM A CIDADE DE NEWARK, USA

     "--- Presente uma proposta do Sr. Presidente da Câmara, sobre a geminação da Vila da Murtosa com a cidade de Newark, Estados Unidos da América do Norte.

     --- Fundamentam a geminação, além do mais, os seguintes factos:

     --- Na cidade de Newark, residem muitos Murtoseiros nascidos na Terra-Mãe, a Murtosa; A comunidade Murtoseira, radicada em Newark, desempenha um papel activo no meio social, político e económico local, sendo uma comunidade respeitada e prestigiada;


9 de Junho de 2001 - assinatura do acordo protocolar -
Mayor Sharpe James e Dr. Santos Sousa

A manutenção e desenvolvimento das relações de amizade e de cultura entre a Vila da Murtosa e a cidade de Newark, contribui para o bom entendimento e harmonia entre os povos, sendo também desejável a implementação e o fortalecimento do intercâmbio e relacionamento comercial e económico; Entre a Câmara Municipal da Murtosa e a Câmara de Newark existe, desde há alguns anos, um estreito relacionamento institucional, que tem sido vantajoso para ambas as comunidades.

     --- A Câmara Municipal, depois de analisar a situação, atenta a actualidade e interesse para o Município da geminação em causa deliberou, por unanimidade, aprovar a proposta de geminação e, ao abrigo do disposto no artigo 53º, nº4, alínea d) do Decreto-Lei nº 169/99, de 18 de Setembro, solicitar à Assembleia Municipal autorização para a geminação da Vila da Murtosa, com a cidade de Newark, USA.”

 

 

A 27 de Abril de 2001, foi presente à Assembleia Municipal da Murtosa,
uma Proposta de Geminação Murtosa-Newark, que foi aprovada por unanimidade.

     PROPOSTA DE GEMINAÇÃO

     Senhor Presidente da Assembleia Municipal,

     Senhores Vogais,

     Colegas de Executivo,

     Minhas Senhoras e meus Senhores:

     A Câmara Municipal, através da deliberação de 3 de Abril de 2001, solicita, a esta Assembleia Municipal, autorização para celebrar com o Município de Newark, USA, um Protocolo de Geminação.
     As razões que estão na base desta decisão são, desde há longa data, públicas e de tal forma inquestionáveis e incontornáveis, que nos devem unir em torno deste projecto. A vasta Comunidade Murtoseira residente em Newark há muito que o anseia, fruto da saudade e da necessidade que sente de apoio para, na educação dos seus filhos, incluírem a cultura e os hábitos da sua Terra-Mãe.
     Se nada fizermos corremos o risco de, de uma forma progressiva, definitiva e irreversível, vermos desfeitos os laços de afinidade para com a nossa Murtosa de além.
     Com esta decisão, a Câmara Municipal pretende alcançar um conjunto de objectivos, sendo prioritário o aliciamento dos jovens, levando até eles uma imagem do que fomos e do que somos, procurando despertar-lhes a curiosidade e a consequente vontade de conhecerem o originário berço da família.
     Com as Entidades Oficiais procuraremos também estabelecer acordos que se materializem no fortalecimento de intercâmbios aos mais diversos níveis.
     Assim sendo, em nome da Câmara Municipal, resta-me solicitar a esta Assembleia, que, num ano emblemático em que comemoramos 75 anos de emancipação de um Povo, demos as mãos e através desta Geminação procuremos consolidar uma Comunidade.


9 de Junho de 2001 - Assinatura do acordo protocolar -
Mayor Sharpe James e Dr. Santos Sousa


Junho de 2001 - apresentação da Revista "Murtosa Reencontrada", no East Side High School, em Newark


Placa de Geminação

 

Intervenção do Sr. Presidente da Câmara, na recepção às Entidades Oficiais,
aquando da realização da Festa do Emigrante, em 2 de Agosto de 2003.

“Da Murtosa para Portugal e para o Mundo.

Da Murtosa para Lisboa, Matosinhos, Olhão, Vila Franca de Xira, Setúbal … Da Murtosa para a França, Venezuela, Alemanha, Brasil, Luxemburgo, Estados Unidos da América do Norte …

Murtoseiros! Gente estranha esta que, em finais do Século XIX e em pleno Século XX, com maior força na década de sessenta, deixou a Terra-Mãe, a Murtosa, e demandou terras da estranja, na busca de melhores condições de vida.

No princípio, nada mais levava consigo do que uma forte e férrea vontade de vencer, e o desejo de voltar um dia, com o suficiente para o sustento próprio e do seu agregado familiar.

Gente que partiu disposta a tudo. A sofrer e a padecer, no corpo e na alma, as agruras da natureza e o desassossego das lembranças.

Entregues a si mesmos. Sem ninguém. Num calvário de sofrimento e dor, que só a esperança de um futuro melhor foi conseguindo mitigar e vencer.

Gente estranha e transfigurada, que, a partir do nada, construiu, quase sempre, coisas boas para si e para os seus, contribuiu, positivamente, para o sustento, a sobrevivência e o desenvolvimento da Terra-Mãe, a Murtosa.

Gente boa que hoje, aqui, no edifício dos Paços do Concelho, nesta nossa casa, mais uma vez, homenageamos e a quem queremos dar uma palavra de gratidão renovada.

Obrigado a todos os emigrantes. Aos de ontem e aos de hoje; àqueles que venceram e àqueles a quem a sorte foi madrasta; àqueles que já morreram e àqueles que estão vivos; àqueles que estão aqui presentes e aos ausentes; àqueles que, porventura, discordem deste tipo de manifestações e àqueles que só não estão presentes por que a vida não lhes permitiu; a todos, mesmo a todos sem excepção, pois, para além daquilo que nos separa, consequência da diversidade que cada um de nós representa, aquilo que nos une é mais forte, pois somos da mesma Terra, a Murtosa.

Por isso, temos motivos para celebrar; temos razão para estarmos em Festa.

Festa que é ocasião de encontro e oportunidade de diálogo.

Por isso, no dia de hoje, e, muitas vezes, no nosso dia-a-dia, temos que fazer a catarse do silêncio, calar aquilo que, quase sem remédio, nos divide, discutir e partilhar as nossas diferenças, que, com respeito, ponderação e bom-senso, são momentos de crescimento e de união.

Somos os responsáveis pela construção da cidade nova, da cidade da alegria, do sonho e da felicidade.

“Só a mudança perdura”.

Assim, temos que estar atentos aos sinais dos tempos, não nos acomodando nunca às circunstâncias. A felicidade, como dizia, constrói-se e tudo o que nasce de novo provoca dor e sofrimento.

Contudo, sempre os Murtoseiros souberam transformar as suas fraquezas e fragilidades em capacidade de trabalho e de resistência, capazes de vencer o Mundo.

Os nossos emigrantes são o exemplo mais expressivo dessa capacidade e dessa resistência e, daí, a justificação deste acto público de reconhecimento e agradecimento.

Hoje, é dia de Festa.

Há pouco mais de dois anos, na Costa Leste dos Estados Unidos da América do Norte, o Município da Murtosa geminou-se com o seu congénere de Newark. Foi o culminar de um trabalho, iniciado em 1998, numa altura em que as contingências apontavam, por anteriores desavenças passageiras entre a Murtosa - Mãe e a Murtosa Americana, para um afastamento de ambas as Comunidades.

Como disse o nosso grande poeta Fernando Pessoa, o Homem sonha e a obra nasce. E este foi um sonho nosso, que se concretizou e que teve, na grande maioria dos Murtoseiros, o acolhimento e o carinho que permitiu que, no dia 9 de Junho de 2001, o protocolo de geminação fosse assinado na sede da Câmara de Newark.

Foi o reencontro da Murtosa, de cá com a Murtosa de lá, que também se sentiu e viveu, de uma forma intensa e sem limites, no East Side High School.

A felicidade e a saudade, numa mitigação confusa, nesse dia, valeram uma vida.

Hoje, daqui a alguns momentos, vamos inaugurar as placas que, nas entradas principais do nosso Concelho, ficarão a assinalar a ligação da Murtosa à Cidade de Newark. Ligação essa que, ainda que simbolicamente, faz a ligação a todas as cidades e a todas as Terras onde estão emigrantes Murtoseiros.

É mais uma etapa de uma caminhada, que vai continuar, certamente com contratempos, com incompreensões, com oposições, mas também com apoios, com o trabalho e o envolvimento da grande maioria dos Murtoseiros, que sentem a emigração, e todos os problemas e benefícios que lhe são inerentes, como coisa própria…”


 



Aveiro Digital Portugal Digital Programa Operacional Sociedade do Conhecimento Europa - O portal da União Europeia Créditos
Comentários e sugestões: informatica@cm-Murtosa.pt ou gabinete.comunicacao@cm-murtosa.pt
Copyright © 2018 Câmara Municipal de Murtosa